Diretamente de Londres

                                      Estádio com a torre de observação que está sendo construída ao lado

Estar aqui, em Londres,  é sempre um acontecimento. Um não, milhares.

Hoje fui visitar o View Tube,  local mais próximo que se pode chegar do Olympic Park, local oficial da Olimpíadas de 2012.  Em volta ainda muitas obras, mas o estádio está aparentemente pronto.

Fui fazer uma espécie de reconhecimento de área, pois ano que vem estarei por aqui na época das Olimpíadas.  Estou participando do processo seletivo como games-maker ou voluntária. De um total de 240 mil inscritos serão chamados em torno de 70 mil. Já fui chamada nesta primeira etapa, tendo realizado a entrevista. A próxima etapa será um treinamento de três dias, abril próximo,  aqui em Londres. Estou sendo cotada para atuar no Press Mídia Center.  

Ao lado do parque, em Stratford,  foi um construído um mega centro de compras, o maior da Europa, com  300 lojas, 70 restaurantes, 14 cinemas e o maior cassino do Reino Unido: o Westfield Stratford.  Seu custo foi de 1.4 bilhões de libras. Traduzindo para nosso Real, aproximadamente 3.8 bilhões.

Inaugurou na quinta-feira, dia 15,  fui visitá-lo hoje, dois dias depois. O que havia de gente é indescritível. Só vi tantas pessoas num só local quando estive em Hong-Kong. Como diriam os ingleses, amazing ( incrível). Algumas lojas, nas poucas que entrei, ofereciam balas e champanhe. Lá pelas tantas, saí. Gente demais. Como é comum nas Terras da rainha Elizabeth, chovia.  De manhã um lindo sol, não levei guarda-chuva, de repente chove. É assim.

                                Centro de Londres, tirada do ônibus, acho que não exagerei sobre a multidão nas ruas…

Dei uma circulada pelo Picadidly Circus e pela Oxford e Regent Street, quem não conhece, um dos pontos turísticos locais. Havia tanta ou mais gente que no Shopping de Stratford.  Parecia que a metade do mundo andava por aqui.

Bem, amanhã sigo para o sul,  Southampton. Terra das Docas, onde foram construídos os maiores navios, entre eles, o famoso Titanic, que deixou o porto local rumo a Nova York, em 10 de abril de 1912,  com 2.224 pessoas a bordo.  Naufragou dia 14 de abril, batendo num iceberg,  sobrevivendo  710 pessoas (32%).

O motivo principal de ir para lá, claro,  visitar  meu filho.  Matar a saudade, toda mãe merece.

Por lá acontece esta semana o Boat on Water Show.  Assunto para outro post.

Bem, como diria nossa ‘presidenta’ –  brasileiras e brasileiros,  –  ano que vem estarei nos London Olympic Games 2012. Além de participar como voluntária estarei fazendo trabalhos freela.  Se souberem de meios de comunicação interessados em matérias exclusivas, avisem-me. Ou se alguém precisar de cicerone, why not?

 That’s it. See  you around. Bye bye.

Anúncios

6 comentários sobre “Diretamente de Londres

  1. Olá minha amiga! Que maravilha! Eu sempre te falei que “viajo” junto contigo(em pensamento, imaginando qdo leio o que tu escreve e as fotos)…Maravilhoso tudo! Aproveite por todos nós! Voce merece estar aí sim, matando a saudade do filhão> um grande abraço ao Maxi e muitos beijos pra voce. teresinha solano

    Curtir

  2. Olá Ethel! Obrigado pelas informacoes. Admiro tuas atividades. continue assim e aproveite ao máximo o tempo no Reino Unido e também com teu querido filho. Grande abraco.

    Curtir

  3. Olá, Ethel!!!!
    Que maravílha!!!,Curtir a compania do filho e estar aí, curtindo este milhão de acontecimentos e ainda fazendo o reconhecimento do terreno, onde provavelmente estará circulando em 2012.

    Curte o máximo e divirta-se!!!
    Att, Teca

    Curtir

Opine, participe!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s