Resolver ou evitar?

spider900Escutei uma frase esta semana, que seria do Einstein, ( e deve ser )

que a pessoa inteligente tenta  resolver os problemas, o sábio os evita.

No caso se referiam as milhares de toneladas de lixo produzidas nas cidades do mundo.

Mas creio que isso se aplica em qualquer circunstância da nossa vida.

Fecha com o dito popular, melhor prevenir do que remediar!  Grande parte dos problemas poderiam ser evitados se houvesse sabedoria suficiente para avaliar as condições e situações antes de praticá-las.

Quando a ambição e a ganância nublam o olhar e o bom senso, dificilmente surgirá um resultado que não deixe sérios efeitos colaterais que precisarão ser corrigidos posteriormente. Geralmente com um custo bem superior ao que foi gerado de benefício.

No caso da produção do lixo, estadistas, prefeitos, governadores, ambientalistas e cientistas, com uma visão menos comprometida, tentam achar soluções com políticas públicas que minimizem a produção de tantos resíduos  descartáveis.  Melhor do que ter que “sumir” com eles,  é  não produzi-los.

Isso pode servir também para situações da nossa vida pratica. Se nos acostumamos a pensar com a própria cabeça, avaliando cada situação com clareza, discernimento e bom senso, temos a chance de viver melhor, com mais qualidade e tempo para aquilo que realmente nos faz bem  e nos deixa feliz.

Saber desligar o botão com mais frequência daquilo que tentam nos empurrar todo dia e toda hora, pelos meios de comunicação, seja no rádio, na TV, no celular, nos Outdors, etc, pode fazer muita diferença no que de fato iremos vivenciar.

Reflita na frase de Einstein: o homem inteligente tenta resolver o problema, o sábio o evita!

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

3 comentários sobre “Resolver ou evitar?

  1. Querida Amiga! Voce sabe que sou sua fã e que realmente adoro este seu Blog. Voce sabiamente relacionou esta frase atribuida ao Einstein a uma provocação interessante: “…Melhor do que ter que “sumir” com eles, é não produzi-los…” Bem… será mesmo? e se sim, até que ponto? Como viver hoje sem embalagens? (sugiro o video https://www.youtube.com/watch?v=cDtl8v5f77k) O assunto é vasto e não serão poucas linhas que o elucidarão. Há poucos anos atras os utensilios medicos eram de inox e vidro e precisavam de esterelização, hoje são de plastico. Exemplos disso sao os aparelhos de injeção, as agulhas… Como comercializar medicamentos se não em vidros e embalagens plasticas? E as proteses de mãos e pes impressas em impressoras 3D? E os drones? E o painel do nosso carro? E a batedeira? Celular, escova de dentes, impressora, computador, lustres, utensilios para cozinha? E os óculos? Desde objetos vitais até acessórios futeis… Estamos cercados de materiais que vieram pra ficar. Sao inevitaveis! E o que é melhor: são necessarios!! Hoje existe uma polemica com as sacolinhas plasticas nos supermercados de sao paulo… e que pode se espalhar por todo o país! acontece que as grandes redes nao querem mais investir nas sacolinhas, passando seus custos para o consumidor!!! Pois se voce comprar nas sacolas de pano, voce correra riscos de contaminacao cruzada (ou será que todas as pessoas lavam estas sacolas todas as vezes que vao ao supermercado? ou as pessoas têm sacolas separadas para cada tipo de produto?) Voce ja pensou em como fica uma hortaliça ou fruta contaminadas pelo sangue de alguma carne ou de algum detergente carregados na mesma sacola em compras anteriores? E se os supermercados nao fornecerem as sacolas? onde os consumidores irao armazenar seus lixos? Terão que comprar sacos plasticos! Nao temos opção: o mundo anda pra frente. Precisamos nos adaptar, nos reinventar, acelerar nosso entendimento das coisas da vida. Sugiro a leitura da Politica Nacional dos Residuos Solidos. Os fabricantes devem se responsabilizar pela logistica reversa e nós consumidores devemos nos atualizar e fazer nossa coleta seletiva. Sugiro ainda ler o que escrevem Miguel Bahiense (Plastivida) e Alfredo Schmitt (ABIEF).“Artefato de plástico não tem pernas, não tem asas e nem nadadeiras. Se eles estão em algum local incorreto, é porque o descarte não foi adequado.” Aceite com todo o meu respeito a minha forma de observar este aspecto da vida moderna e eu apreciaria debater este assunto, assim como varios outros, com uma pessoa inteligentissima como voce. Fraterno abraço!

    Curtir

    1. Querida, quanto tempo! Todas observacoes pertinentes! Bem pensadas e colocadas. E muito complexo, mas muito do que esta ai pode ser evitado, pois nao e necessario e novas politicas publicas com envolvimento das comunidades podem ser pensadas e elaboradas! Estamos afogando no lixo! Voltaremos ao debate, pois isso se aplica em outras areas tambem! Super bj

      Curtir

Opine, participe!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s