O amor é a ponte entre você e tudo.

Rumi (poeta sufi persa do século XIII)

Quando mais um dia desponta trazendo essas cores desenhadas no céu, tendo essa natureza desfilando seu eterno charme, só posso ter a certeza que a perfeição está nos olhos do observador! TUDO ESTA SEMPRE LÁ, SÓ OLHAR!

 

ONDE TUDO É AZUL…será???

Sempre podemos nos surpreender com a atitude de certas pessoas, principalmente quando ocupam posições de destaque onde atuam.

Chegou-me aos ouvidos comentário de um presidente de empresa aérea que convida (ou convoca?) seus funcionários do ar, leia-se comissários(as) de bordo, co-pilotos e comandantes a se envolver com a limpeza da aeronave. Ou seja, o passageiro (sem modos civilizados) joga papeis ou lixo no chão, na aeronave, e estes prestadores de serviços técnicos específicos (comissários, co-pilotos e comandantes) se empenham em limpar os desmandos higiênicos daqueles.

Isso poderia ser, alem de outras coisas, desvio de função?  O que o sindicato diz? E o Ministério do Trabalho?

A que ponto pode chegar a “puxação de saco” para o lado do passageiro? 

E onde esta o respeito pelos profissionais com treinamentos longos e caros, que dedicam anos  para ocupar seus cargos com responsabilidade e segurança, de quem são exigidos cheques e re-cheques periódicos ? 

Catar papelzinho no chão??

Me poupa AZUL!  Devia adotar o CINZA!

 

Cósmico Evento

 

Difícil ficar de pé no meio do caos

Que reina no planeta Terra…

Para todos os lados há algum tipo de guerra

Tudo está a ruir, cair…

A se desintegrar, desmanchar…

Valores, amores

Tudo esta indo

Indicando que um período é findo.

O QUE SERÀ QUE ESTÀ VINDO?!

Ser forte, íntegro

Permanecer de pé, ter fé

Continuar a crer

É o que se pede dos que tiveram acesso

Às informações do processo

Que hora se opera

Nesta era

De escuridão.

Toda ilusão será testada

Provada a fogo

Só o que for verdadeiro 

Permanecerá.

O resto cairá

No abismo do jogo

Das aparências

Das abobrinhas

Das quinquilharias

Das idiotices enaltecidas

Pelos meios de comunicação

Dominados pelo poder.

Das ninharias,

Da manipulação.

É preciso uma forte armadura

Para resistir a tantas agruras.

Passarão,

Mas deixarão

Para sempre marcadas

Sulcos profundos

Que serão a  base

De novos mundos

Em cujos leitos

Novos mares se formarão

Novas criaturas nascerão

E tudo se fará novo debaixo do céu

Mas antes será preciso

Perder as certezas          

As empoadas grandezas

Confiar na infinita capacidade

Que se encobre no véu

Do tempo que irá sucumbir.

Vamos tentar apenas sorrir?

Afinal, fomos escolhidos

Para testemunhar 

Este CÓSMICO EVENTO.

Ethel  Peisker

Canoas, 07 de abril de 2006

VIAJAR…! Vício bom!

Lady Mcbeth

Marcas de Shakespeare em Stratford-upon-Avon

 

Quem disse que todo vicio é ruim?

Alguns podem nos levar bem longe, na imaginação, como um bom livro ou filme, ou fisicamente  como viagens  a lugares inusitados ou retornos a visitados anteriormente! Sempre tem tanto a descobrir…e tudo muda o tempo todo, e nós, graças a Deus, também!

Imagina ficar no mesmo lugar, fazendo a mesma coisa, todos os dias, e pior ainda, no mesmo horário??

Caótico! Tortura medieval! É como respirar o mesmo ar engarrafado, inspirado, expirado, milhares de vezes… Pode ter tudo, menos oxigênio!  E quem vive sem oxigênio?!  Só quem já morreu…e existem muitos tipos de morte!

Mas vamos falar de vida! De ar puro, novo, saudável….Aquele que expande os pulmões, o tórax, o corpo e a vida!

Viajar é oxigênio que injeta novas ideias, novos sentimentos, novos aprendizados, novas culturas, novas relações, estimula a criatividade. 

Viajar vicia, quanto mais viaja, mais quer viajar! Que bom! Oh vício bom!

Tudo que expande nosso conhecimento, expande nossa consciência. Lugares, pessoas, eventos…

Nunca voltamos os mesmos. Trazemos na bagagem e por debaixo da pele, coisas que só pertencem a nós, e só quem vai, faz e volta, sabe como é!

De malas prontas para minha próxima viagem! Rever lugares que adoro e conhecer outros…Huuummm, mal posso esperar!

No próximo post conto mais…🤩

Histórias fantásticas …

                                                  Maxi em  Stonehenge -2009

 

Mesmo sem saber ao certo de onde vieram, porque estão ali e quem la as colocou, as pedras de Stonehenge são famosas e atraem multidões todos os anos em Salisbury, a 137 quilômetros de Londres, no Reino Unido.
O misterioso circulo de monolitos intriga os arqueólogos e pesquisadores.
Estima-se que datem de 3.000AC. a 1.100 AC .Para alguns seriam maneiras de prever eclipses, pois o circulo com pedras de 5 a a50 toneladas foi alinhado com o por do sol do ultimo dia de inverno e as fases da lua.
Considerado um dos mais importantes monumentos da Pré-Historia europeia, e o principal da Grã-Bretanha, estando nas proximidades quando Maxi, meu filho, morava em Southampton, também fomos lá averiguar a misteriosa formação .
Sem duvida algo instigante. Nós humanos, somos sempre atraídos por historias fantásticas e mistérios.
Vai saber o que se passou e passa na cabeça de cada um que por ali passa??

Stonehenge 2009

Experiências atípicas

                                                     Veneza lights…2010

 

Revendo fotos de viagens, revisitando momentos, vem a memória coisas que marcam e impressionam.

Primeira visita a Veneza, passeando  a noite pelas ruas bucolicamente iluminadas, refletidas nas aguas dos canais, criando um cenário “meio fora do tempo”,  perfeito para experiências atípicas.

Andando com amigos, um deles um italiano entusiasmado, Nico, morador de Mestra e antigo gondoleiro vai mostrando tudo, comentando, andando rápido e desenvolto, e nós seguindo, encantados e admirados com a beleza e magia dessa cidade milenar. De repente, começo a sentir uma tontura, estranha, preciso parar. Não consigo mais andar, tudo gira, sento nos degraus da escada de uma das pontes, amparada por Nico, e começo a chorar, chorar sem controle…algo sem explicação.

Gente, nunca senti nada igual, em lugar nenhum!  Não costumo expressar minhas emoções dessa ordem em publico; simplesmente aconteceu, algo mais forte do que meu controle racional. 

Seria  alguma memória de eventos de outra vida?! Vai saber…

No dia seguinte, visitamos a Ponte dos Suspiros, construída entre o Palazzo Ducale  e o presidio, que embora pareça um nome romântico, na realidade os suspiros eram dos criminosos que viam pelas pequenas janelinhas da ponte a luz do dia pela última vez, antes de serem encarcerados. 

Atravessando a ponte, refazendo o caminho que levava ao cárcere, tive que voltar, sair daqueles corredores lúgubres e frios, pois parecia que ia me faltar o aarrr… Muita angustia! 

Estive por lá duas vezes, espero retornar outras…!  

Veneza é linda, única, cheia de magia, e muitas memórias..o cenário perfeito para experiências atípicas!

 

                                                    Veneza  lights 

My Pray …minha prece

Sunset at Porto. by EthelP

 

Continuar a dançar sem musica é para poucos.

Quando os acordes externos se tornam inaudíveis é preciso arrancar de dentro os sons que nos fazem querer continuar, mesmo que  os silêncios sejam longos!

Uma teimosa força não deixa que a gente se conforme e se entregue.

Ora! Por que deveria?

Gosto demais de mim mesma para nao continuar a me estimular e seguir!

SEMPRE !!

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: