Mulheres celtas

Jamais permita…


Jamais permita que algum homem a escravize: você nasceu livre para amar,
e não para ser escrava.

Jamais permita que o seu coração sofra em nome do amor.

Amar é um ato de felicidade, por que sofrer?
Jamais permita que seus olhos derramem lágrimas por alguém que nunca fará
você sorrir!
Jamais permita que o uso de seu próprio corpo seja cerceado.

Saiba que o corpo é a moradia do espírito, por que mantê-lo aprisionado?
Jamais se permita ficar horas esperando por alguém que nunca virá, mesmo
tendo prometido!
Jamais permita que o seu nome seja pronunciado em vão por um homem cujo
nome você sequer sabe!
Jamais permita que o seu tempo seja desperdiçado com alguém que nunca terá
tempo para você!
Jamais permita ouvir gritos em seus ouvidos.

O Amor é o único que pode falar mais alto!

Jamais permita que paixões desenfreadas transportem você de um mundo real para outro que nunca existiu!
Jamais permita que os outros sonhos se misturem aos seus, fazendo-os virar
um grande pesadelo!
Jamais acredite que alguém possa voltar quando nunca esteve presente!
Jamais permita que seu útero gere um filho que nunca terá um pai!
Jamais permita viver na dependência de um homem como se você tivesse
nascido inválida!

Jamais se ponha linda e maravilhosa a fim de esperar por um homem que não tenha olhos para admirá-la!
Jamais permita que seus pés caminhem em direção a um homem que só vive
fugindo de você!
Jamais permita que a dor, a tristeza, a solidão, o ódio, o ressentimento, o ciúme, o remorso e tudo aquilo que possa tirar o brilho dos seus olhos a dominem, fazendo arrefecer a força que existe dentro de você!
E, sobretudo, jamais permita que você mesma perca a dignidade de ser
MULHER!!!

(Poema celta)

 

É preciso mais que leis

A farmacêutica Maria da Penha, que dá nome à lei contra a violência doméstica.

Lei Maria da Penha número 11.340, sancionada em 07 de agosto de 2006.

Conheç a história:  http://www.mariadapenha.org.br/a-lei/a-historia-da-maria-da-penha/

Link com inúmeras informações sobre o assunto violência contra a mulher:  http://copodeleite.rits.org.br/apc-aa-patriciagalvao/home/reportagens.shtml

^^^^^^^^^            ˆˆˆˆˆˆˆˆˆˆˆˆˆˆˆˆ         ^^^^^^^^^^^^^^     ˆˆˆˆˆˆˆˆˆˆˆˆˆˆ

Se você é mulher e está vivendo ou sabe de alguém que vive uma situação de violência
Disque 180 – Central de Atendimento à Mulher
Você pode ligar de qualquer lugar do Brasil. A ligação é gratuita.

 


Mundo feminino – um cantinho para a mulherada…

Eu me perdi de mim mesma. Enquanto me procurava  fui mudando. Quando me reencontrei, quase não me reconheci.  Parecia uma estranha. Quem afinal sou eu?!

Ethel Peisker  –  03/02/ 2011

MULHERES, todas. Estão convidadas a me visitar neste ‘cantinho’ Amélia nunca mais, para trocarmos experiências, vivências, conquistas e partilhar alegrias e tristezas, clarear dúvidas, dar e buscar suporte sobre questões que dizem respeito a TODAS. Independente de idade, raça, credo, etc.

Além disso, este espaço se propõe a publicar assuntos referentes a nós, do mundo feminino. Obviamente que os homens estão convidados a nos fazer uma visita também, se tiverem interesse em se atualizar sobre o que nos diz respeito. E por que não deixar um recadinho?

As portas estão abertas.  Aguardo a visita. Vamos ver quem se atreve a ser a primeira???

LIVROS PUBLICADOS

Conheça meus livros e opine sobre eles. Foram escritos para você.

O PENSAMENTO como . ponto de PARTIDA

O título já resume o que abordamos neste livro: a importância do pensar. Queremos enfatizar, chamar cada um à reflexão constante deste fato vital que é nosso pensamento.

Atualmente estamos tendo acesso a informações, que em décadas e séculos passados, pertenciam às escolas iniciáticas, aos grupos fechados de ordens templárias, a uns poucos privilegiados que tinham acesso ao funcionamento destas leis universais que regem o comportamento e evolução humana.

Saber que o controle e gerenciamento do nosso pensamento pode nos levar aonde decidirmos, e mais que isso, praticar essa verdade incontestável, é o que de melhor cada ser humano pode fazer por si. Tudo o mais são apenas consequências desta atitude primordial.

Pensamentos viram coisas. Escolha os bons.

MULHERES de + ou – 50 – A idade Dourada

Mulheres!

Escrevi este livro para voces. Às com mais de 50, às com menos de 50, e as com 50.

Por isso + ou – 50. Todas temos ou mais ou menos de 50 anos. Embora o foco principal sejam as mudanças que se operam por volta dos 5o, tem informações e dicas que interessam a todas. À eles, que convivem e se importam com elas, também.

Estamos sempre mudando.
 Por volta dos 50, a mudança é apenas mais acentuada. 
É um chamado para voltarem seu olhar para o interior, onde jaz o verdadeiro brilho dourado da sabedoria.
  O externo daqui para frente passará para o segundo plano.

As prioridades mudam, assim como a aparência.
  Aceitação é a chave para viver plenamente os ciclos que fazem parte de todas as criaturas vivas.

Cada época tem seus encantos. É preciso estar preparado e aberto para recebe-los e vive-los.