Para onde ?

image

Cansado demais? Então pare. É simples assim.

A velocidade das máquinas tecnológicas não é compatível com a nossa.

O homem pode inventá-las, mas não competir com as mesmas, nem segui-las  no mesmo ritmo.

Os dois lados da moeda sempre existirão, é preciso exercitar a escolha consciente de qual deles devemos encarar. O que o mundo tecnológico nos oferece em facilidades, ele nos cobra em tempo e velocidade. Como conciliar?

Somos  apenas humanos!  Os super heróis pertencem aos filmes, jogos e desenhos animados. Mesmo que um sistema ávido por lucros tente nos dizer o contrário.  Lembram do filme Parem o Mundo eu quero descer?  É isso já faz tempo, se isso hoje fosse possível, muitos iriam aproveitar essa parada para pular, tenho certeza.

Mas existem maneiras mais simples de “pular fora”.  Um  turn off dos botões das máquinas que comandamos, a principal nosso querido handy, cel phone, smart phone, ou simplesmente celular. Esse que é o mais próximo, pois nos carrega por todos os lugares que ele quer. Exerça seu poder de escolha, seja você o dominante. Outro é a TV. Essa quer nos arrastar para mais algum lugar ou drama com o qual não temos nada a ver, então por que assistir? Desligue. Notara que conseguirá respirar melhor, dormir melhor e enxergar melhor toda a exuberância da natureza multidiversa que nos cerca.

Simples, não fácil, mas possível.

Cada dia…

Escutamos muitas coisas vida a fora, do que é bom, do que não é; o faça isso, não faça aquilo; receitas para as mais diversas situações.

Não que receitas não sejam boas. Na culinária, quando sabemos muito pouco, podem nos ser úteis. Mas chega um momento em que temos que apostar nos próprios temperos. 

Na vida também. Nos informar, aprender a nos conhecer, seguindo dicas de quem já o fez, é muito útil. As vezes imprescindível. Seguir pegadas, por algum tempo pode nos impedir de desperdiçar tempo e energia. Mas chega um momento, e esse cada um tem que descobrir quando é, em que temos que abrir as próprias trilhas pela vida e seguir. Esse caminhar é único. Esses passos não tem volta, e só temos cada dia para fazê-lo. 

Você só tem uma única estrada. É isso que fala a mensagem do link anexo (em alemão, talvez um dia me anime a traduzir). É uma das mais bacanas que já ouvi.  Sempre é gratificante escuta-la.

Se não entender, escute a música que já é linda, encontre um tradutor online, ou pergunte para alguém que sabe. 

Mas escute e medite sobre esse conteúdo. 

Du hast nur diese eine Strasse